Exageros de Itu

Itu / SP

História dos Exageros

divulgação
Foto de Exageros de Itu

Itu conquistou a fama de "Cidade dos Exageros" graças a Simplício, um comediante ituano nascido no ano de 1916, que faleceu em 2003. Tudo começou assim: Um dia, no banco da praça do programa humorístico "Praça da Alegria, na extinta Rede Tupi, Simplício burlou o script.

Seu personagem era um caipira do interior. Manoel de Nóbrega, que apresentava o programa, costumava pedir que a esposa explicasse ao público o tamanho dos objetos que existiam em sua terra. Havia sempre o exagero. Um dia, Simplício arriscou: "Ofélia, diga o tamanho da mandioca que tem lá na nossa cidade, em Itu".

Nesse momento, Nóbrega, ao vivo, brincou com o comediante: "promovendo, hein”? Desde então Itu tornou-se a cidade onde tudo é grande. Pessoas do Brasil todo mandavam a Itu seus legumes fora do comum, a fim de que fossem parar na TV.