Prefeitura de Itu realiza blitz e embarga loteamento clandestino

Publicado: Segunda-feira, 9 de janeiro de 2017 por Jéssica Ferrari

Empreendimento não tinha registro ou aprovação da prefeitura.

A Prefeitura de Itu realizou, na manhã de 7 de janeiro, o embargo de um loteamento clandestino junto à divisa com a cidade de São Roque, na altura do km 63 da rodovia Castelo Branco. Já no início do ano a prefeitura recebeu denúncias sobre a venda irregular no local e, diante disso, a operação foi realizada.

Houve o embargo de uma área com nove alqueires, que estava sendo vendida de forma fracionada em lotes de mil metros quadrados. O loteamento irregular não tinha registro e nem aprovação da prefeitura. A venda era anunciada em redes sociais com preço estimado em R$35 mil, com entrada facilitada de R$15 mil e parcelas em até 60 meses.

A ação, determinada pelo prefeito Guilherme Gazzola, contou com representantes das Secretarias Municipais de Obras, Planejamento (através da Diretoria de Habitação) e Meio Ambiente. A blitz contou também com apoio da Guarda Civil Municipal e do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci).

“A prefeitura vai ser implacável em relação aos empreendimentos irregulares. A essa ação deste sábado é só o começo”, declarou o prefeito Guilherme Gazzola. “Nesta semana iremos nos reunir com o Ministério Público e com a Polícia Ambiental para dar segmento às providências necessárias”, informou o secretário municipal de Obras, Eduardo Alves.

A prefeitura aproveita para orientar a população para sempre consultar a Secretaria Municipal de Obras antes de fechar qualquer negócio imobiliário, visando garantir a legalidade.

Tags: empreendimentos, loteamentos, blitz imobiliária, embargos

  • Comentários

Copyright 2017 Itu.com.br. Todos os direitos reservados.