Cultura

Publicado: Quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Vozes de Itu celebra 13ª Primavera dos Museus nessa sexta-feira

Com repertório ituano do período colonial ao Brasil Império.

Vozes de Itu celebra 13ª Primavera dos Museus nessa sexta-feira
Coral Vozes de Itu

Na próxima sexta-feira, 27 de setembro, o Coral Vozes de Itu apresenta concerto com repertório histórico da cidade de Itu. Desta vez as obras musicais transitam entre os séculos XVIII e XIX. O evento, intitulado “Música Sacra: do Brasil colônia ao tempo do império” integra a programação da 13ª Primavera dos Museus e é realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura de Itu, Museu da Música, Instituto Cultural de Itu e Centro Pró-memória da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Itu.

O concerto será realizado na Capela São João de Deus, da Santa Casa de Itu (Rua Joaquim Borges, 314, Itu) e precedido da palestra “Irmandades e Misericórdias de Portugal para o Atlântico”, pelo Prof. Jonas Soares de Souza. Após o concerto haverá visita monitorada às dependências do Centro Pró-Memória, pelo historiador Bruno de Assis Furquim, coordenador da instituição. 

No programa o grupo apresenta dois compositores que atuaram em Itu, seja na música ou nas artes plásticas: Padre Jesuíno do Monte Carmelo (1764-1819) e Miguel Arcanjo Benício da Assunção Dutra (1812-1875). Mulatos, ambos deixaram uma produção de rara beleza, que representa a pouco conhecida música brasileira mais antiga, descoberta por pesquisas dos musicólogos Regis Duprat e Lenita Nogueira e, ultimamente pelo Museu da Música – Itu. Destaque para uma obra atribuída ao Padre Jesuíno, o Veni Sancte Spiritus, da Novena do Senhor Bom Jesus, que motivou a mostra “do acervo ao concerto” e revela a trajetória do repertório, desde que foi incorporado ao museu até se transformar em patrimônio imaterial.

Itu foi uma das cidades com maior produção musical no Estado de São Paulo. A música, com forte influência de compositores portugueses era um dos elementos que conferia notoriedade ao patrimônio cultural imaterial.

O evento conta com apoio da Associação Cultural Vozes de Itu e tem direção artística de Luís Roberto de Francisco e Paulo Zeppini.
 

Serviço:
27 de setembro, sexta-feira, 20h30
Capela da Santa Casa de Misericórdia de Itu
Local – Rua Joaquim Borges, 314, Centro, Itu/SP.
Entrada franca

Comentários

Ariza Centro Veterinrio