Cultura

Publicado: Quinta-feira, 8 de setembro de 2005

36ª Semana Padre Bento segue até o dia 18

Acontece em Itu, de 12 a 18 de setembro, a 36ª Semana Padre Bento, o Apóstolo da Caridade. Diversas atividades e eventos, entre missas, desfiles e concertos musicais fazem parte da programação. Confira as atividades e horários do evento que homenagea uma das figuras mais marcantes de Itu.

36ª Semana Padre Bento segue até o dia 18
Capitão Cintra e Ditinha Shanoski, da Comissão Organizadora do evento

Acontece em Itu, de 12 a 18 de setembro, a 36ª Semana Padre Bento, o Apóstolo da Caridade. Diversas atividades e eventos, entre missas, desfiles e concertos musicais já estão agendados.

Esta semana acontece em comemoração à data de nascimento de Padre Bento Dias Pacheco, nascido em 17 de setembro de 1819.

Confira aqui a programação completa.


PADRE BENTO

Padre Bento Dias Pacheco nasceu em Itu a 17 de setembro de 1819.

Ordenado sacerdote, pouco trabalhou em paróquias. Acontecimentos familiares exigiram sua presença à testa da propriedade agrícola de sua mãe, viúva.

A convivência mais direta com os escravos deu-lhe bem a medida do amor ao próximo, e preparou-lhe o caminho para novas escaladas em busca do “irmão necessitado”.

Convidado duas vezes pela Câmara, para Capelão do Hospital dos Lázaros, recusou tal era o temor que desde criança sentia pela terrível doença: a lepra ou hanseníase.

Um dia, porém, depois de muito orar, encheu-se de coragem. Vendeu tudo que tinha, distribuiu o dinheiro aos pobres, despediu-se de parentes e amigos e rumou para a Chácara da Piedade a fim de viver definitivamente junto àqueles que não tinham ninguém por si: os leprosos.

Ali, viveu durante 42 anos e, sem temer o contágio, cuidou ele próprio dos doentes, dando-lhes conforto espiritual e material.

Apesar de seu contato permanente com os enfermos, nesse longo espaço de tempo, morreu sem contrair a moléstia.

Faleceu a 6 de março de 1911.

Seu túmulo, em Itu, ao lado da Igreja do Senhor do Horto é muito visitado, devido a fama de graças e favores alcançados por sua intercessão.

Em março de 2003, foi instalado pela Cúria de Jundiaí, o Tribunal Eclesiástico Diocesano para a Causa de Beatificação e Canonização do Venerável Padre Bento Dias Pacheco.

Fonte: “O Apóstolo da Caridade”, de Dom Amaury Castanho

Comentários