ponto-turístico-casaimperial
Bernardo Campos
Bernardo Campos E-mail E-mail

Minudências

Jornalista e advogado. Alma de cronista, colhe impressões das pessoas, dos fatos e dos costumes. Daqui e do mundo.

Qual a população de Itu?

Publicado: Terça-feira, 25 de maio de 2010

Volta e meia, nas rodinhas, nas visitas, nas filas, nos eventos, acontece uma pergunta a que ninguém dá resposta convincente: qual a população de Itu?

Essa curiosidade voltou à baila, nestes dias, quando de algum modo se permitiu uma visão, ainda que parcial, mas de cima. De um ponto elevado suficientemente – de helicóptero isso então fica ao alcance perfeitamente – para quem veja a cidade no todo. E essa visão surpreende. Itu se expandiu e no plano pouco se dê conta disso.

Por conviver, a maioria dos habitantes, sem essa visão de conjunto, apenas imagina como sejam as dimensões da cidade, e, neste caso, sem se falar em bairros mais retirados, ao derredor, além da periferia imediata.

Em administração anterior, não se precisaria qual delas, teria havido interpelação junto ao IBGE, num sentido de revisão de dados – ou acerto – porque se entendeu muito aquém o número oficial de moradores.

Vai daí que as conversas se repetem. Sugestões aparecem de como aquilatar essa informação e, uma delas, bem aceitável. Levantar, sempre porém por estimativa ainda, através do número de eleitores.

É no mínimo curiosa e pitoresca essa vontade de se saber quantos são os ituanos, nesse abraço incluídos os não natos, claro, mas irmãos de adoção, em suma, os moradores de hoje, porque tem-se a impressão de que Itu é pequena. Isto, a partir de percursos imaginários, num simples passeio de carro.

Mesmo a pé, se alcançam logo os limites urbanos, em quaisquer dos extremos dos pontos cardeais. Por aí, já se falou, não se mede bem a extensão.

Corre também de boca em boca que, apenas na Cidade Nova, a população se contenha no expressivo número de cinquenta mil almas.

Este breve comentário sai assim, despretensioso, sem se fundamentar em nenhum dado preciso e fazem-se aqui não mais que conjeturas.

Como ficou evidenciado, simplesmente um ponto de curiosidade.

Boa pergunta:

Quantas pessoas morariam atualmente em Itu?

Tags: bernardo campos