ponto-turístico-cruzeirosaofrancisco
Camila Gabriela Camargo
Camila Gabriela Camargo E-mail E-mail

Nutrição e Qualidade de Vida

Nutricionista Especialista em Qualidade de Vida (Unicamp). Atua na Prefeitura de Itu como nutricionista efetiva, em Consultório Particular com atendimento Clínico e Esportivo e Assessoria Nutricional.

Alimentação para acabar com a celulite

Publicado: Sábado, 11 de julho de 2009

Foto
Pra que deixar a Celulite = Casca de laranja?
Para alguns o ramo da nutrição em estética soa como um assunto fútil, enquanto para outros, é a solução dos seus "problemas". O importante é destacar que para evitar problemas estéticos é necessário sim, ter uma alimentação saudável, pois existem alimentos que têm o poder de prevenção e outros que melhoram aspectos desagradáveis que podem surgir na pele.
 
A popular “celulite”, ou cientificamente a hidrolipodistrofia, configura-se como uma alteração do relevo cutâneo, que ocorre principalmente nas mulheres, e é decorrente do aumento do volume dos lipócitos, alterações da permeabilidade capilar, aumento do nível do hormônio estrogênio.
 
O local de sua maior ocorrência é na cintura pélvica, membros inferiores e abdômen, caracterizada pôr um aspecto acolchoado e em casca de laranja (ou maracujá) na pele. Pode ser causada por alterações hormonais; retenção de líquidos;alimentação inadequada (alimentos refinados),hereditariedade; vida sedentária, estresse e má circulação.
 
Algumas dicasalimentares para evitar ou minimizar a celulite são:
 
> Diminuição de sal (sal adicional, enlatado etc.), evitando retenção de líquidos e edemas;
> Diminuição de alimentos gordurosos e frituras, para se evitar gordura localizada e acúmulo de toxinas;
> Aumento de líquidos (águas e chás desintoxicantes);
> Aumento de fibras na alimentação, pois aumentam a eliminação de toxinas do organismo;
> Evitar cigarro, álcool, cafeína, refrigerantes, pois são vasoconstritores e diminuem o calibre das artérias. O álcool e os refrigerantes contém calorias vazias, que aumentam o número de calorias na dieta e proporcionam a retenção de líquidos;
> Consumir alimentos que contenham silício, como os cereais integrais e concentrados de fibras, pois esse mineral é fundamental para o metabolismo celular e elemento estrutural do tecido conjuntivo, auxiliando na formação do colágeno;
> O uso da soja também é essencial, pois contém fitoestrógenos que auxiliam no equilíbrio hormonal.
 
O ideal é que se evite tratamentos violentos, como: massagens manuais vigorosas, rolos mecânicos, ventosas etc. Esses procedimentos rompem capilares e destroem ainda mais as fibras de colágeno e elastina. A longo prazo, levam ao aparecimento de estrias e aumenta a celulite.
 
Previna-se! Beba mais água, pois melhora o funcionamento de seus rins, facilita as trocas metabólicas e a eliminação de toxinas pela urina.
Pratique uma atividade física que lhe dê prazer. Os exercícios mais indicados são os aeróbicos, como caminhadas, natação, bicicleta, etc. Para aumentar o tônus muscular, pode-se associar a ginástica localizada, hidroginástica ou a musculação.
Nada de sobrecargas em excesso. Respeite seu limite pessoal.
 
Existem alguns truques para ser usado no dia-a-dia para melhorar a circulação das pernas: descer de escadas; evitar ficar com as pernas cruzadas por muito tempo, andar mais á pé e não abusar dos saltos altos.
 
Agora pra vocês, uma receitinha deliciosa do suco anti-celulite:
 
> Indicação:o pepino hidrata, pois é rico em água. Também é desintoxicante e, com a ajuda da beterraba, que auxilia a circulação sangüínea, colabora para varrer as toxinas das células. O resultado é uma pele mais uniforme. Já a maçã facilita a digestão e a cenoura contribui para o bom funcionamento do intestino;
> Ingredientes: pepino, beterraba, maçã e cenoura;
> Modo de Preparo: bata tudo com água gelada filtrada. Coloque o alimento que mais gostar em uma quantidade maior, pois salientará seu sabor.
 
É isso aí pessoal! Bom proveito e bom apetite!
 

Tags: celulite, alimentação, nutrição, qualidade de vida