Colunistas

Publicado: Terça-feira, 8 de agosto de 2017

O amor é bem mais simples

O amor é bem mais simples
a simplicidade dos detalhes fazem toda diferença

Não podemos fechar os olhos diante do que já vivemos e do que estamos vivendo no Brasil. A tão temida crise econômica veio e parece estar confortável sem pressa de ir embora. Com ela, chegou o pesadelo de muita gente que viu seu sonho sendo adiado e até mesmo, colocado em segundo... terceiro.. ou até em último plano.

Mas calma! Nada está perdido! Podemos fazer uma festa intimista que vai ficar para a história não somente do casal, mas também daqueles que o cercam.

Listei algumas dicas básicas para você não protelar mais o seu sonho de se casar:

Primeiro item: Pergunte-se em todo o tempo: Por que estou me casando?
Se for para ter uma festa de ‘arromba’, nem se case, comemore seu aniversário.
Festa é maravilhosa, quem não gosta não é mesmo? Mas ela não pode ser prioridade entre um casal, mas a vontade de fazer uma família e estarem juntos, para o que der e vir, tem que ser a base de qualquer união e relacionamento.

Depois disso, sugiro que vocês sentem e façam uma lista de convidados. Quem são aquelas pessoas (amigos e familiares) que estão realmente lado a lado de vocês? Às vezes, há amigos mais chegados que irmão, assim como diz na bíblia, e é verdade né? Até entendo que fica aquela pressão básica de não convidar ‘família’. De qualquer forma, vocês precisam ser sinceros com vocês mesmos: “o primo ‘tal’, quando foi a última vez que vocês se viram?”
Quem for de verdade, vai compreender a restrição da lista e vai apoiar da mesma maneira.

Alguns restaurantes estão optando por oferecer um espaço mais restritos para mini weddings (até 80 convidados), vocês podem negociar um valor diferenciado para o número de convidados. Já fizemos alguns casamentos que os convidados pagaram sua entrada, de boa, pois estão lá com a intenção de realmente comemorar a felicidade do casal. Porém alguns casais ficam incomodados com essa situação, claro que essa opção é para os mais próximos, pois só eles vão compreender esta real necessidade de compartilhar as despesas da festa de casamento.

Na mesa de bolo, opte por um naked cake (o famoso bolo pelado) que será o de corte, para servir como sobremesa. Você economiza com o aluguel do bolo fake.

Docinhos, você pode optar por alguns tradicionais como camafeu, por exemplo, para enfeitar a mesa, e para compor, você pode ver com uma amiga ou uma tia que sabe cozinhar e que capricha nos doces, para fazer uma mousse de maracujá, brigadeiro, entre outros docinhos mais fáceis mas que todo mundo gosta. Ahh, mas tem que ser gostoso hein? Senão entra no conto do barato sai caro!

Para decoração, se você é adepta ao artesanato pode montar um composê de garrafinhas retros, enfeitadas com renda e fitinhas de cetim, com gaiolinhas e troncos de árvores (decorativos), porta retrato com fotos do casal, lousas com frases temáticas, na entrada do espaço, itens de identidade visual personalizada (que você mesmo pode fazer no computador e imprimir numa gráfica rápida) como, cardápio personalizado e tag de agradecimento.

Mesmo que você se case somente no civil, durante o almoço ou jantar de comemoração, peça a um amigo ou alguém da família para dizer algumas palavras de amor e benção para vocês. Troquem votos, façam a troca das alianças. Quem gosta de glamour é a gente, o amor é bem mais simples, e não exige tanto (risos...)

Fotos! Não deixe de ter um fotografo que vai registrar esse momento na sua vida, talvez você até pense que é um momento simples e pequeno, mas ele vai ter a proporção do seu sentimento e da importância que você der a ele.

Brindem! Com ‘sidra cereser’ mesmo! Não é a bebida que determina a sorte, mas a intenção que depositamos na hora que erguemos a taça e gritamos: “Saúde!”

O que vale é não deixar passar em branco e comemorar a felicidade!!!

Comentários

Realizando sonhos

Fernanda Mariáh

Fernanda Mariáh

Formada em Jornalismo com pós-graduação em Gestão de Pessoas. Atuou por seis anos como assessora de imprensa, e migrou para a área de eventos. Há quatro anos é organizadora de festas como casamentos, bodas, aniversários, batizados, corporativos e outros.

Arquivo