Colunistas

Publicado: Quarta-feira, 28 de junho de 2017

Ecos de Padre Bento

Ecos de Padre Bento

              Ecos do Sacerdote ituano Padre Bento

Ditinha Schanoski

            Reveste-se de grande êxito espiritual cada Semana Padre Bento Dias Pacheco na sua 48ª edição deste ano de 2017.

Cada ato destas semanas nos recorda toda sua vida e obra.

            Padre Bento foi um sacerdote ituano, de família abastada que deixou tudo para se dedicar a Deus. Escolheu morar na Chácara da Piedade com os leprosos e viveu 42 anos junto deles.

            Sentimo-nos como todos os autores chamados a falar e concluímos:  É mais fácil escrever um livro do que sintetizar uma obra, porém o pouco que se diz sobre Padre Bento é suficiente para esclarecer e comover as inteligências e os corações humanos.

            A cada ano, reservado para falar desse sacerdote, sempre nos vem uma injeção de ânimo bastante feliz que o venera de maneira profunda.

            Nessas semanas sempre nos chegam algo enriquecendo a vida do Apóstolo da Caridade. No ano passado (2013), uma informação bem eloquente: De tantos os trabalhos já publicados, o estudo sobre Padre Bento foi o de maior apreciação no mercado livreiro, isso prova o interesse e emoção que essa vida provoca. Inclusive, ficamos sabendo que uma Universidade adquiriu um bom tanto de exemplares para estudos e pesquisas de seus alunos.

            No ano de 2012 a Prefeitura Municipal e a Secretaria da Cultura de Itu, reproduziram um número significativo e generoso de exemplares da vida do Servo de Deus a serem distribuídos (de autoria do erudito historiador de Itu,  Francisco Nardy Filho). Esse livro representa um convite irrecusável à leitura e à reflexão sobre a vida desse homem santo.  

            Elevemos nossas preces a Deus para que o querido Padre Bento seja elevado às honras dos altares                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                             

            Enfim, para concluirmos este artigo lembramos-nos de um antigo slogan da cidade:

“Em Itu, a hospitalidade também é maior” e acrescentaríamos: “Também na virtude e na caridade, Itu é maior”.

 

Ditinha

Comentários

Varanda da Saudade

Ditinha Schanoski

Ditinha Schanoski

Jornalista ituana, trabalhou no jornal A Federação e é articulista de vários jornais e revistas. Membro da ACADIL, SACI, UARD, Gvcmi e outros grupos. Agraciada com diversos prêmios, como a Medalha Dom Gabriel. Nomeada Profissional Ético de 2014.

Arquivo