Colunistas

Publicado: Segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Tudo Que é Maduro Cai

Crédito: Divulgação / Internet Tudo Que é Maduro Cai
Que caia, apodreça e desapareça de vez.

Quando levamos um tombo involuntário, as pessoas costumam brincar dizendo que caímos “de maduro”. A analogia tem a ver com o que observamos na natureza em relação a alguns tipos de frutas. Por exemplo: laranjas, mangas, limões, etc. Chegando ao ponto ideal de seu consumo, elas caem naturalmente do pé sem que ninguém precise intervir.

Em um terreno vizinho ao nosso, chamado Venezuela, temos um Maduro quase pronto para cair. Anteontem, sofreu um atentado. Vai cair. É o que lhe aguarda. Há coisas que não acontecem naturalmente e remover ditadores de seus postos é uma delas.

Quando Américo Vespúcio explorou a região da atual Venezuela, séculos atrás, deu-lhe este nome porque se parecia com uma “pequena Veneza”. Infelizmente é hoje um dos mais pobres do mundo, tudo por causa das tontices marxistas de meia dúzia de esquizofrênicos.

Triste é perceber a existência, no Brasil, de pessoas afirmando que os venezuelanos não vivem sob uma ditadura comunista, que Maduro não é da pior espécie de políticos existente e que tudo é culpa do Temer. O Presidente Temer, comparado ao Maduro, é uma fada dos dentes! E isto não foi um elogio...

O que esperar de um país que acha normal a candidatura à Presidência de um presidiário condenado por corrupção? O que esperar de uma Imprensa vendida que noticia tal escalabro como se fosse a coisa mais normal do mundo?

Não é só Maduro que precisa cair. No Brasil e entre os brasileiros, certas ideiazinhas toscas também precisam cair, apodrecer e sumir de vez.

Comentários

Visão de Mundo

Salathiel de Souza

Salathiel de Souza

Jornalista, professor e teólogo, iniciou carreira em 1996. Membro da Academia Ituana de Letras, é diácono transitório na Diocese de Jundiaí (SP) e autor de "Tudo Pela Missão! - Minha Experiência Missionária em Roraima".

Arquivo