Colunistas

Publicado: Sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Joelmir Beting Era Gago!

Crédito: Internet Joelmir Beting Era Gago!
O menino gago tornou-se um grande jornalista.

Uma penca de coisas foram ditas e publicadas sobre o já saudoso Joelmir Beting (1936-2012).

Não choverei no molhado, recordando seu amor ao Palmeiras; dizendo que ele traduziu o economês para o comuniquês; que ele fazia Literatura com os termos econômicos; que foi o inventor do gol de placa; etc.

Poucos sabem que, na infância, Joelmir era gago. Na infância passada em Tambaú, pequena cidade do interior paulista, a religiosidade fazia parte da família. Joelmir era coroinha e ajudava nas missas do Padre Donizetti Tavares de Lima. Este sacerdote tem aberto o seu processo de canonização, pois diversos milagres são a ele atribuídos.

A história conta que Padre Donizetti foi almoçar com a família Beting. Entre uma conversa e outra, o reverendo afirmou que Joelmir seria uma pessoa muito famosa quando crescesse. Os pais duvidaram: eram pobres, desconhecidos. E, pra completar, havia a gagueira do menino.

Então o padre parou de tomar sua sopa de quiabo e deu uma bênção no garoto. Em seguida, virou-se para os pais e disse: "Fiquem tranquilos, que ele agora está abençoado". Na despedida, terminaram aquele encontro em família rezando um Pai-Nosso e uma Ave-Maria. Para espanto de todos, Joelmir rezou tudo... sem gaguejar!

A vida seguiu. Joelmir cresceu, nunca mais tropeçou com a fala, mas seu primeiro emprego foi como bóia-fria de canavial. Depois, Padre Donizetti conseguiu-lhe um emprego numa rádio local. Mas com a inteligência que o rapaz demonstrava ter, o sacerdote o incentivou a estudar na capital paulista, o que acabou acontecendo. Ele iniciou carreira como jornalista esportivo e após formar-se em Sociologia resolveu trocar o esporte pela Economia. Daí pra frente, todos conhecem a história toda.

Joelmir faleceu mantendo em seu coração muita saudade e uma fé enorme nos feitos de Padre Donizetti, da sua Tambaú. Nós aqui embaixo sentiremos muita falta de seus comentários sérios, mas ao mesmo tempo leves, inteligíveis e bem humorados.

Estou certo de que Joelmir e Padre Donizetti reencontraram-se com muita alegria lá no céu. E devem estar conversando sobre mil coisas... sem gaguejar.

Comentários

Visão de Mundo

Salathiel de Souza

Salathiel de Souza

Jornalista, professor e teólogo, iniciou carreira em 1996. Membro da Academia Ituana de Letras, é diácono transitório na Diocese de Jundiaí (SP) e autor de "Tudo Pela Missão! - Minha Experiência Missionária em Roraima".

Arquivo