Colunistas

Publicado: Sábado, 10 de janeiro de 2015

Fé
Meme na China

Um clarão forte se exibiu e, repentinamente, uma bola de fogo cortou os céus em diagonal, chocando-se contra o solo com força. As pessoas se acotovelaram nas sacadas dos prédios de imediato, os transeuntes saltaram das calçadas para as ruas e os carros pararam simultaneamente, em uma harmonia de dar inveja aos congestionamentos. Por meio dos olhos lacrimejados e de arregalo no rosto da criança, foi possível perceber refletida a outra esfera ardente se aproximando no horizonte, porém, hipnotizados pela fumaça entre os prédios, aquela gente não viu senão seus corpos se desfragmentando, com a visão inconsciente do pós-morte. A compaixão crescia à medida que equipes de jornalismo do mundo todo iam chegando. Os repórteres saltavam dos carros já falando com seus microfones trêmulos e enquadramentos ofegantes, dialogando ao vivo com âncoras que ensaiavam seus deslumbres técnicos sob a segurança dos estúdios na capital. Próximo dali, uma igreja ecumênica começou a abrigar os primeiros céticos.

Comentários

Conto... ou não conto?

Alex Pinheiro

Alex Pinheiro

Consultor em Turismo Receptivo e Turismo na Internet, exerce na literatura o seu desafio pessoal '1000 caracteres de uma história'. É colunista do jornal Taperá (Salto-Itu-Indaiatuba)

Arquivo

8 de outubro de 2018

Eles Sabiam de Tudo

5 de outubro de 2018

Urna Funerária

8 de agosto de 2018

Estrada

9 de julho de 2018

A ditadura do aroma

28 de maio de 2018

La Ciudadela