Colunistas

Publicado: Quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Chelsea, City e SPFC: Fiascos

Crédito: Internet Chelsea, City e SPFC: Fiascos
Chelsea e Manchester City foram os maiores fiascos de ontem.

Terminou ontem a última rodada da fase de grupos da Champions League (Liga dos Campeões). Trata-se do torneio interclubes mais importante da Europa, equivalente à Taça Libertadores da América aqui para nós.

Após seis jogos, os segundos colocados dos oito grupos seguem em frente. Entre os que ficaram para trás, dois fiascos ingleses enormes.

O primeiro fiasco é o Chelsea, que fez um recorde: jamais um atual campeão da Champions League havia sido eliminado na primeira fase

O outro fiasco inglês é o Manchester City. Atual campeão inglês, terminou a primeira fase sem vencer. Teve três empates e três derrotas.

Vida que segue e agora a salvação da lavoura para ambos será dedicação total na atual temporada do Campeonato Inglês.

Para o Chelsea, vale o esforço de não jogar fora todo o trabalho do ano passado. Deve concentrar-se ao máximo para ganhar o Mundial de Clubes.

Para isso, terá que deixar de lado os ciuminhos e as intrigas entre veteranos e novatos, entre Oscar e Fernando Torres, coisas que levaram à demissão do técnico Di Matteo e fizeram o rendimento do time cair consideravelmente.

Caso vença essa barreira do relacionamento humano, o Chelsea tem tudo para fazer um bom Mundial de Clubes. Que começou hoje de manhã, com o Hiroshima (Japão) vencendo o Auckland (Nova Zelândia) com apenas um gol. No domingo o timê japonês enfrenta o Al Ahly (Egito) e desse confronto será decidido o adversário da estreia do Corinthians na competição.

Como o assunto é o futebol de ontem e o de hoje, não há como deixar de mencionar a decepção são-paulina contra o Tigre. Na primeira partida final da Copa Sul Americana, o SPFC tinha tudo para fazer goleada em cima dos argentinos (é um clube de segunda divisão).

O ídolo Luís Fabiano, esquentadinho como sempre, conseguiu a proeza de ser expulso com menos de 15 minutos de jogo. Prejudicou todo o esquema ofensivo do time e a partida ficou no oxo.

Não que seja difícil para o SPFC obter uma vitória simples contra o Tigre, quarta-feira que vem, no Morumbi lotado. Mas a situação poderia ser bem mais confortável se os são-paulinos marcassem ao menos um golzinho e se não fosse o destempero do Fabuloso.

Comentários

Visão de Mundo

Salathiel de Souza

Salathiel de Souza

Jornalista, professor e teólogo, iniciou carreira em 1996. Membro da Academia Ituana de Letras, é diácono transitório na Diocese de Jundiaí (SP) e autor de "Tudo Pela Missão! - Minha Experiência Missionária em Roraima".

Arquivo