Colunistas

Publicado: Sexta-feira, 15 de março de 2019

Amor a Deus, prioridade absoluta

REFLEXÃO DOMINCIAL – 17.3.2019

2o. Domingo da Quaresma – Liturgia do Ano C

Evangelho (Lucas, 9, 28-36)

.................................................................................

 

“”   Naquele tempo, Jesus levou consigo Pedro, João e Tiago e subiu à montanha para rezar.a

Enquanto rezava, seu rosto mudou de aparência e sua roupa ficou

muito branca e brilhante.

Eis que dois homens estavam conversando com Jesus: eram Moisés e Elias.

Eles apareceram revestidos de glória e conversavam sobre a morte que Jesus iria sofrer em Jerusalém.

Pedro e os companheiros estavam muito sono. Ao despertarem, viram a glória de Jesus e os dois homens que estavam com ele. E quando estes homens se iam afastando, Pedro disse a Jesus:

“Mestre, é bom estarmos aqui. Vamos fazer três tendas: uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias”.

Pedro não sabia o que estava dizendo. Ele estava ainda falando quando apareceu uma nuvem que os cobriu com sua sombra.

Os discípulos ficaram com medo ao entrarem dentro da nuvem.

Da nuvem, saiu uma voz que dizia:

“Este é o meu filho, o escolhido. Escutai o que ele diz!”

Enquanto a voz ressoava, Jesus encontrou-se sozinho.

Os discípulos ficaram calados e naqueles dias não contaram a ninguém nada do que tinham visto.

......................................................................................

 

O céu, a glória eterna e definitiva, - sabidamente o anelo de todo fiel.

O espetáculo da transfiguração evidencia, apenas num relance, o quão sublime será o convívio dos que obtiverem o galardão de se salvar.

Pedro desde logo sugere ali permanecer.

Tudo muito bem.

Há que se pensar, porém, que esse anelo não se alcança num passe de mágica nem tampouco por se imaginar que um dia, sim, a gente se concentra e aí então vai se preparar para estar pronto para a glória.

Lido e refletido este evangelho, há que se por a caminho desde agora, porque o amor a Deus é que antecede a tudo, - absoluta prioridade - sem o condicionamento de recompensa, eis que essa  é de si consequente e espontânea.

Amar a Deus sobre todas as coisas.

                                                                                    João Paulo              

 

Comentários

Reflexão Dominical

João Paulo

João Paulo

João Paulo, pseudônimo do jornalista Bernardo Campos, adotado para temas de espiritualidade.

Arquivo

18 dias atrás

Olhemo-nos de frente

14 de setembro de 2019

Ovelha desgarrada inquieta o Pastor

7 de setembro de 2019

O peso da cruz

Ariza Centro Veterinrio